NETFUT
Notícias de futebol

Chelsea vê Lukaku em crise, ma protege atacante da mídia

Todo brasileiro se lembra bem do belga Romelu Lukaku. O jogador foi um dos grandes terroristas da seleção brasileira durante o confronto da seleção brasileira contra a Bélgica na Copa de 2018.

E não é apenas pela seleção, o centroavante ficou muito popular também pela sua temporada na Inter de Milão, o que resultou em uma venda, que por acaso foi também a compra mais cara da história do seu atual time, o Chelsea.

Foram 113 milhões de euros, mais de 6000 milhões de reais para fazer o Belga trocar o time azul de Milão pelo time azul de Londres, porém o torcedor não sente que esse dinheiro gasto está valendo a pena.

O jogador não está fazendo o melhor nessa temporada no momento. Ao todo são apenas 10 gols marcados nesta temporada, temporada esta que já passou da sua metade.

É claro que a última lembrança que os brasileiros têm do jogador é ele fazendo gol nos dois jogos do Mundial de Clubes da FIFA, porém esses gols serviram mais para irritar a torcida do Palmeiras do que realmente fazer a torcida do Chelsea feliz.

 

A insatisfação da torcida ficou ainda mais escancarada na última partida do Chelsea na Premier League, onde o time enfrentou o Crystal Palace. A vitória até veio com um simples 1 a 0, mas o que realmente virou assunto foi o fato de Lukaku ter dado toque na bola apenas 7 vezes durante o jogo todo, um recorde negativo que só foi igualado em 2003.

No entanto, o treinador Thomas Tuchel entende o momento ruim do jogador, e está orando por protegê-lo ao invés de atacá-lo. O treinador deu entrevista onde afirmou ser normal o fato de jogadores ficarem sem gols e consequentemente sem confiança.

– Atacantes têm problemas de confiança se não recebem a bola, se enfrentam um time bem defensivamente. Claro que não é o que queremos, não é o que Rom (Romelu Lukaku) quer. Mas não é hora de rir dele, de fazer piadas sobre ele. Ele está no centro das atenções e nós vamos lhe proteger pois é nosso jogador.

O treinador ainda puxou para si mesmo a responsabilidade de fazer com que o jogador renda mais, alegando que Lukaku é a solução de um problema, e não o problema em si.

– Existe um histórico de atacantes com dificuldades no Chelsea, então não é o lugar mais fácil do mundo para atacantes. Não sei exatamente o porquê de ser assim. Nós exigimos muito dos nossos atacantes em termos defensivos. É com a gente, está comigo a parte de adaptar, arrumar soluções, e Romelu sempre vai ser parte da solução.

Essa defesa feita de forma tão firme sobre o belga surpreendeu alguns que acreditavam que havia uma rusga entre Tuchel é o jogador, já que Lukaku se enfiou em uma polêmica não a muito tempo por ter demonstrado saudade de seu ex-clube, a Inter de Milão, mas pelas palavras de Tuchel, o treinador tem muito apreço pelo jogador.