NETFUT
Notícias de futebol

Os piores jogadores da partida entre Flamengo e Athletico-PR

Já falamos de quem foram os melhores jogadores em campo de Flamengo e Athletico, mas como pudemos notar na própria partida: não é só de boas partidas que vive um jogador. E nessa partida tivemos alguns atletas que definitivamente não estavam em seu melhor dia.

Por isso vamos analisar as duas equipes e definir aqui quem foram os piores jogadores da partida da semifinal da Copa do Brasil entre Flamengo e Athletico.

Flamengo: Filipe Luis

Começando então como time que saiu perdendo, vamos falar de um jogador que sempre vai muito bem e com muita calma, um dos mais experientes do grupo, porém por algum motivo isso faltou ontem, como faltou para todos em campo.

A diferença é que o lateral esquerdo acabou transformando a sua afobação em um pênalti, que deu início a todo o nervosismo do time, que seria o calvário flamenguista no fim das contas.

O lateral não estava nada bem defensivamente, sendo um dos responsáveis também pela jogada do segundo gol, e além disso acabou não sendo útil ofensivamente como geralmente é. Uma noite para se esquecer totalmente.

Athletico: Christian

Se podemos apontar um problema no Furacão na noite de ontem é que quem saiu do banco, com exceção de Pedro Rocha, acabou não indo bem. O meia foi para o jogo no lugar de Renato Kayzer para deixar o jogo mais seguro, mas demorou a entrar no ritmo da partida, o que ajudou o Flamengo a criar chances de perigo.

Porém, mesmo isso não foi suficiente para o Fla balançar as redes, e apesar do fraco desempenho, o jogador acabou se escorando no grande desempenho coletivo de seus companheiros.

Flamengo: Diego Alves

Assim como foi com Volpi no São Paulo, talvez esse seja o momento em que o torcedor vai repensar a ideia de que Diego Alves é titular absoluto. O goleiro teve algumas outras falhas esse ano, mas sem dúvida essa é a que mais vai pesar.

O goleiro acabou aceitando um cabeceio fraco de Nikão, ampliando o placar e deixando uma reação ainda mais difícil, e obviamente contribuindo para o nervosismo de sua equipe.

O goleiro também não pegou o pênalti batido pelo próprio Nikão, algo que seria facilmente perdoado pela torcida por quão próximo ele passou de realmente defender a cobrança, no entanto, a sequência do jogo traria apenas dúvidas quanto ao seu futuro.

Athletico: Khellven

Novamente falando de alguém que saiu do banco, e dessa vez falando realmente da única pessoa que passou perto de tentar azedar a festa do Furacão. Khellven entrou no segundo tempo para ajudar a defender melhor, no entanto, o jogador conseguiu ser expulso em um lance bobo, o que fez com que o Flamengo viesse para cima com tudo o que tinha.

O jogador teve muita sorte que esse era o dia do Furacão, já que nada que o Flamengo fazia dava certo, e tudo o que o Athletico fazia dava certo, inclusive um terceiro gol para fechar o caixão e dar um grande alívio ao jogador.


Sem opção de comentar este post