NETFUT
Notícias de futebol

Renato Gaúcho minimiza irritação da torcida, e diz que até Jorge Jesus perdeu na Copa do Brasil

Renato Gaúcho acabou ficando extremamente irritado após a partida contra o Athletico, onde além de ter sido eliminado com um Flamengo jogando muito mal, o treinador ainda foi hostilizado pela torcida, algo que ele não aceitou muito bem.

O treinador até chegou a dizer que sairia do clube por isso para os dirigentes, mas convencido do contrário. Depois disso, já com a cabeça mais fria, Renato foi dar entrevista para falar sobre a partida.

Durante o jogo, parte da hostilização da torcida foi chamar o nome de Mister, diretamente em provocação a Renato e lembrando de Jorge Jesus que treinou o time antes. Quanto a isso Renato diz entender o lado da torcida além de ter tempo de estrada suficiente para não se deixar abalar por xingamentos e hostilização.

Palavras de Renato Gaúcho

 Uma coisa super normal no momento que você está trabalhando num clube grande, último treinador que passou aqui e teve sucesso. Torcedor de um grande clube sempre vai lembrar do treinador que venceu, faz parte da nossa profissão. O treinador nem sempre vai ganhar todas, vai lembrar do cara que passou aqui, trabalhou alguns meses e ganhou títulos importantes. Mas já estou vacinado, a cobrança vai sempre existir – disse Renato sobre o assunto.

O treinador ainda disse que os jogadores estão tristes pela eliminação, mas que o time ainda tem uma Libertadores pela frente.

Quando eu fui contratado pelo Flamengo nós estávamos em três competições. Hoje fomos eliminados na Copa do Brasil, o grupo está chateado, estamos tristes. Temos algumas possibilidades e estamos na final da Libertadores.

Mais uma da partes mais interessantes da entrevista foi quando o treinador foi perguntado sobre uma frase dita por ele quando ainda era treinador do Grêmio, quando falou com 200 milhões em contratações ele também poderia fazer um trabalho igual ao de Jesus.

O treinador acabou desconversando especificamente a parte da frase, mas afirmou que não importa o time, as derrotas acontecem, e usou como exemplo até o próprio Jorge Jesus que também caiu para o próprio Athletico durante a Copa do Brasil de 2019.

O elenco é muito forte, é muito bom. Todo treinador gosta de um elenco desse, faz parte da nossa vida. O próprio Jorge Jesus esteve aqui e perdeu, saiu da Copa do Brasil também. Depois ganhou o Brasileiro e a Libertadores. Nós sempre estamos expostos a cobranças. No futebol, infelizmente quando não consegue o resultado que espera, principalmente se tratando de Flamengo, a cobrança é sempre muito grande.

Brasileirão ficou difícil

Vale Lembrar também que por conta de alguns tropeços, o Flamengo parece estar longe de conseguir brigar pelo título com o Atlético Mineiro, e essa teria sido uma das coisas que mais irritou a torcida do Flamengo nos últimos dias.

Afinal, com o time fora da Copa do brasil, e a quilômetros de distância do Atlético na tabela do Brasileirão, a Libertadores passa a ser a única oportunidade de um grande título no ano, e se as coisas não derem certo naquela competição, o time pode terminar a temporada sem nada, algo que não aconteceu nem com o trabalho contestado de Rogério Ceni.


Sem opção de comentar este post