NETFUT
Notícias de futebol

Para a recuperação do gramado, Mineirão não recebe jogo do Cruzeiro x Vitória.

A ideia é amenizar o estrago que o inverno está deixando no gramado do Mineirão, assim o jogo de quarta entre Cruzeiro e Vitória será no Independência. Com isso, o estádio de Belo Horizonte terá 12 dias para a recuperação total do seu gramado.

Leia: Ney Franco e Felipão entram na justiça contra o Cruzeiro

Parte do gramado do estádio ficou muito prejudicada por não estar recebendo raios solares na parte norte do estádio, durante o inverno. Houve várias tentativas de fazer todo o processo dos raios solares por meio de fotossíntese artificial, mas sem sucesso, a solução encontrada foi de retirar o jogo do calendário oficial do estádio. A equipe tentou trabalhar contra o tempo e as adversidades do clima, para que não prejudicasse os jogos e os clubes, mas mesmo assim, isso não foi possível e decidiram optar pela recuperação do gramado no momento, afirmou Otávio Goes, gerente técnico do estádio do Mineirão.  

O campo chamou a atenção da Conmebol, pois quando divulgou as datas do duelo do Atlético-MG e River Plate, deixou a confirmar o estádio. O gigante recebeu o último jogo em primeiro de agosto, onde competiram Galo e Athletico-PR.

O estádio vai voltar a receber jogos, antes da Libertadores. No dia 14 de agosto, quando será a disputa entre Atlético e Palmeiras pela Série A, valendo a liderança do campeonato, que após vitória contra o Juventude, está com o Galo. 

O clube do Cruzeiro não foi contra o pedido da equipe técnica de manutenção do estádio, pois algo que ajudou, foi que o clube já iria jogar no Horto na próxima rodada da Série B, onde a partida está agendada para o dia 14 de agosto, no sábado, confrontando Galo e Palmeiras.  

Só no mês de julho o Mineirão realizou dez jogos, entre eles seis do Atlético-MG e 4 do Cruzeiro. O Galo, que costumava sempre atuar no Independência, voltou à Pampulha em 2020. Durante a pandemia da covid-19, muitos jogos foram prejudicados, refletindo diretamente nos campeonatos, no caso das temporadas de 2020 e 2021, não houve intervalo, isso foi um fator fundamental para que o gramado do Mineirão não estivesse em ordem para os jogos atuais. 

Após ouro Arana chega para reforçar o Atlético-MG

Mal descansou quando chegou ao Brasil em Porto Alegre, Guilherme Arana, medalhista ouro nas olimpíadas, se junta com a delegação do Galo e viaja para a Argentina nesta terça-feira para fortalecer o time no jogo contra River Plate pela Libertadores. 

O jogador foi junto com a seleção brasileira campeã das olimpíadas de Tóquio, vencendo a seleção da Espanha no domingo. Arana chegou em São Paulo na madrugada desta segunda-feira, descansou com sua família e logo fez as malas para Porto Alegre.

O Atlético permanece em Porto Alegre para fins de treinos, depois de ter vencido o Juventude, e a equipe viaja para Buenos Aires na parte da tarde desta terça. 

Além de Arana, Cuca tem como novos membros da equipe o goleiro Jean, o Zaracho e Eduardo Vargas.