NETFUT
Notícias de futebol

Gabriel fecha oficialmente com o Internacional.

Corinthians e Internacional passaram os últimos dias conversando sobre uma possível ida de Gabriel, volante do Corinthians, ao time colorado. As duas partes tinham tudo para concordar, afinal o Corinthians queria mesmo se livrar do volante, enquanto que Medina, técnico do colorado, pediu um volante que tivesse exatamente os talentos de Gabriel.

E assim foi, as duas partes se acertaram, concordaram sobre os termos estabelecidos, que acabaram agradando o próprio Gabriel também, e dessa forma tudo acabou se ajustando. Mas vamos relembrar um pouco a trajetória de Gabriel no Corinthians.

Palmeiras e saída pela porta dos fundos

A primeira vez que pudemos ver Gabriel brilhando de verdade a nível nacional, foi pelo palmeiras. O jogador teve um começo muito bom no time, sendo um jogador valorizado e alguém que era visto como um jogador com um grande futuro no time.

No entanto, o jogador acabou sofrendo uma lesão grave em seu joelho, o que interessou as relações do jogador com o clube. Mesmo após se recuperar, o jogador não conseguia subir de produção, e acabou tendo seu contrato não renovado pelo Palmeiras, e claramente saindo com mágoa do clube.

Vinda ao Corinthians e identificação imediata.

Geralmente quem sai do Palmeiras e vai ao Corinthians não tem vida fácil, a rivalidade entre os times é muito forte, e mesmo grandes craques do futebol que fizeram esse caminho não tiveram vida fácil mesmo jogando bem, como foi o caso de Edmundo. 

No entanto existia algo em Gabriel que o fez ter uma identificação imediata com a torcida. O jogador tinha um estilo, tanto em campo quanto fora dele, que parecia mais a cara do Corinthians do que do próprio Palmeiras, e a torcida enxergou isso.

Some isso a algumas provocações que o jogador fazia ao Palmeiras antes de clássicos, e você tem o jogador cujo passado foi esquecido rapidamente, se tornando parte do Corinthians, e para muitos com a cara do Corinthians.

Declínio técnico

Para muitos, o que fez Gabriel sair das graças da torcida foi uma queda de produção em campo mesmo O jogador começou a ter problemas gigantescos com a marcação, irritando a torcida pelo número alto de canetas que tomava por jogo.

Isso fez com que o jogador parecesse não ter raça mais,  perdendo isso, qualquer jogador perde a conexão com a torcida da equipe alvinegra, que passou a culpar o jogador ao lado de Sylvinho pelos resultados ruins do time.

Curiosamente Gabriel foi dado como jogador negociado com o Internacional em próximo da saída de Sylvinho.

Ida ao Internacional

Mas o que não serve para um pode servir muito para outro, e o treinador novo do Inter Medina, viu em Gabriel aquilo que seu meio de campo precisava. E o jogador vai chegar ao colorado valorizado, com um salário bem alto e com o intuito de brigar pela titularidade.

O jogador já até foi liberado pelo Corinthians para fazer seus exames médicos em Porto Alegre, e assim que passar, ele deverá assinar seu contrato.