NETFUT
Notícias de futebol

De volta pra casa? Flamengo negocia retorno de Pablo Mari ao clube

Nesta temporada o Flamengo teve que passar por muitas mudanças dentro da sua dupla de zaga. Alguns novos nomes chegaram ao clube, e muitas duplas foram formadas, muito em detrimento de lesões.

Praticamente todos os zagueiros do clube se lesionaram em algum momento, o que atrapalhou muito a defesa do time. Se um time não tem uma dupla de zaga jogando junta por um tempo, dificilmente há um entrosamento, e sem ele, muitos problemas acontecem.

Dessa forma, mesmo com um número grande de zagueiros em seu clube, o Flamengo está disposto a trazer mais um grande nome para o clube. Dessa vez um nome bem conhecido da torcida.

Acontece que já faz um tempo, o zagueiro Pablo Mari que brilhou muito na temporada de 2019 que culminou com o Flamengo sendo campeão brasileiro e também da Libertadores, foi vendido ao Arsenal da Inglaterra, em uma negociação no valor de 16 milhões de Euros, mais de 100 milhões de reais.

Mesmo tendo chegado em alta no Arsenal, nesta temporada o treinador Arteta não tem utilizado o zagueiro como deveria. O jogador ficou no banco, nesta temporada jogou apenas 3 vezes.

Isso fez com que o jovem jogador ficasse aberto a negociações, já que ele sabe o próprio potencial e sabe que se não tem espaço para jogar dentro do clube, tem que procurar espaço em outro lugar para jogar.

E nesse tipo de situação, atletas preferem voltar para clubes onde tiveram espaço no passado, ao invés de rodar por pequenos clubes da Europa. E no caso, Mari teve o melhor momento de sua carreira no Flamengo.

Mas nem sempre querer é poder de compra

Mas é claro que mesmo sendo um time com a saúde financeira em dia, o Flamengo não tem condições de recomprar o jogador, ainda mais comprar pagando em Euro, e aí a negociação que faria sentido seria um empréstimo.

O Flamengo já estaria de conversas com o Arsenal para saber se o time estaria aberto a abrir mão do jogador, uma vez que embora não seja titular, ele pode ser visto por lá como uma grande opção para o banco de reservas.

Mas as conversas devem ir além de apenas ver se o Arsenal aceita ou não o empréstimo, tendo também que conversas sobre a parte salarial do jogador e se o Arsenal vai pedir alguma compensação financeira quanto ao empréstimo, como também foi uma questão na vinda de Andrea Pereira, que só foi possível pelo Flamengo não ter que desembolsar milhões como compensação do empréstimo.

O salário de Mari é o principal problema, que hoje deve girar em torno de 1,6 milhões de reais, algo considerado alto demais para um zagueiro em um time que já tem muitos jogadores para a posição, alguns que inclusive já tem um alto salário, como Rodrigo Caio e David Luiz.

Se esse acordo vai acontecer de forma favorável para o Fla, vamos ter que esperar até Janeiro para saber quando a janela europeia realmente se abrirá.