NETFUT
Notícias de futebol

Com direito de “chapéu” do Monaco no Brentford, Grêmio tem venda de Vanderson acertada

O Grêmio não é um time que tem passado dificuldades financeiras. Os salários são pagos em dia e o time termina o ano em superávit, o que vai na contramão de todos os times que costumam ser rebaixados no Campeonato Brasileiro.

Isso deixa todos um pouco confusos sobre como a tragédia gremista aconteceu, mas independente do motivo, o time vai disputar série B, e obviamente menos dinheiro vai entrar de certos lugares, e é por isso mesmo que a diretoria Gremista pode estar nesse momento sorrindo de orelha a orelha com a negociação do lateral direito Vanderson, que já tinha sua venda praticamente certa antes, e agora tem ela novamente praticamente certa, porém para outro clube.

Acontece que inicialmente Vanderson viu sua venda acertar com o Brentford da Inglaterra, já que o time tinha oferecido uma bolada para o Grêmio. Os valores da compra pelo time inglês eram de 11 milhões de euros, cerca de 70,6 milhões de reais, e se o jogador atingisse algumas metas durante seu contrato, o valor poderia pular de 11 para 14 milhões de euros, indo a 89,8 milhões de reais.

A ida do jogador para o time parecia certa, e a chance do jogador disputar a Premier League era muito animadora para ele, no entanto, o Mônaco chegou e mexeu com toda a negociação.

A Proposta

Primeiramente o time francês veio com uma proposta até parecida com a do Brentford, com 11 milhões de euros, pelo jogador, no entanto, o que realmente mudou a cabeça do Grêmio, foi no que diz respeito a produtividade do atleta. Enquanto o time inglês ofereceu outros 3 milhões caso o jogador atinja tudo o que vai ser proposto, o Mônaco vem com bem mais dinheiro.

O contrato do jogador vai ser de 5 anos, e seriam pagos outros 3 milhão para o Grêmio por cada ano que o jogador cumprir suas metas, o que daria outros 15 milhões de euros no total para o time gremista caso o jogador realmente consiga. Com isso, uma venda de 11 milhões pode pular para 26 milhões de euros, cerca de 167,9 milhões de reais.

A proposta é irrecusável para o Grêmio, mas também aparece de bom tom para o jogador e seu empresário.

Apesar de saber que Premier League é de fato a liga dos sonhos, ele sabe também que ela é a liga mais difícil do mundo, e começar a sua carreira na Europa em uma liga um pouco mais simples de jogar, indo para um time que historicamente dá espaço para brasileiros parece ser um próximo passo melhor para o jogador, e assim entende ele e seu empresário que já deram sinal verde para que a negociação se concretize de forma oficial.

Com a saída de Vanderson, o Grêmio fica sem seu segundo lateral direito, já que Rafinha também não faz mais parte do grupo, e para repor essa lacuna, o time está de olho em Orejuela do São Paulo.


Sem opção de comentar este post