NETFUT
Notícias de futebol

Casos de Covid-19 voltam a desfalcar o Flamengo

Rene, Thiago Maia e Gustavo Henrique seguem isolamento

Mesmo com o número de vacinados subindo cada vez mais e os números de pessoas precisando de leitos diminuindo, o cuidado com a nova doença ainda continua, sobretudo com a variante Delta sobre nós.

E mesmo com esse cenário ainda de alerta, porém mais otimista, o Flamengo acabou ganhando desfalques por conta de casos de infecção dentro do elenco.

O rubo-negro já havia registrado dois casos de jogadores que se encontram em quarentena, são eles Rene e Thiago Maia, mas recentemente mais um jogador entrou para o grupo dos quarentenados.

Isso porque nesta segunda-feira o Flamengo informou a todos que o zagueiro Gustavo Henrique havia testado positivo para Covid-19. O jogador já vinha apresentando sintomas da doença há um tempo e por isso havia ficado de fora do jogo do final de semana contra o Sport em jogo válido pelo Brasileirão.

O jogador deverá ficar em quarentena por dez dias e vai desfalcar o Flamengo em seu jogo de volta contra o Olimpia nesta quarta-feira na Libertadores. Para a sorte do jogador e de Renato Gaúcho, o Flamengo construiu uma boa vantagem no jogo de ida e deve entrar em campo sem muito nervosismo.

Gustavo Henrique se torna um caso de reinfecção dentro do Flamengo. Isso porque o jogador já havia sido contaminado pelo vírus em 2020, quando viajou para o Equador com o resto do time para confrontos que também eram válidos pela Libertadores.

Recentemente o zagueiro Bruno Viana foi quem escapou de ficar isolado, assim como seus companheiros. O jogador saiu da lista de desfalques quando teve um teste falso positivo, e pôde ser liberado a tempo de participar da vitória do Flamengo sobre o Sport no último domingo.

Quem ainda nem chegou e já é desfalque é o atacante Kenedy.

O jogador testou positivo para Covid-19 ainda em seu agora ex-clube, Chelsea. E por isso, ele vai ficar em quarentena em Londres mesmo até se recuperar totalmente e aí poder embarcar para o Brasil para poder reforçar o time do Flamengo.

O Mais Querido esperava poder contar com o jogador o mais rápido possível, e já esperava ter o jogador essa semana ao menos para realizar seus exames médicos, porém com o atraso proveniente da quarentena, o Fla terá que esperar.

Porém, ao menos para o caso dos exames, o Flamengo já achou solução. O time vai pedir para que o Chelsea envie os exames médicos feitos pelo clube ao jogador na pré-temporada, e da mesma forma o contrato do jogador será enviado para que ele assine de forma digital.

Essa pressa do Flamengo em se adaptar à situação tem motivo. Acontece que o Flamengo tem tempo para poder inscrever novos jogadores na Copa do Brasil. Se o Fla quiser contar com Kenedy na competição, o jogador deve ser publicado no BID no máximo até o último dia útil que for anterior ao início das quartas de final.

O jogador chega por empréstimo no valor de 3 milhões de reais, e no fim o Flamengo terá a opção de compra do jogador no valor de 61 milhões de reais.