NETFUT
Notícias de futebol

Vagner Mancini é o novo treinador do Grêmio! O que precisa melhorar no time

É oficial, Vagner Mancini vai deixar o comando do América Mineiro para assumir a equipe do Grêmio no Campeonato Brasileiro. O treinador vai ter o resto do torneio para salvar um time que atualmente tem 70% de chance de queda, e já até afirmou que a ideia é salvar o time esse ano e montar uma equipe competitiva para o ano que vem.

Mas se o treinador realmente quer que isso aconteça, existem alguns cuidados que ele precisa tomar, e nós vamos ajudar Mancini listando aqui alguns cuidados que o treinador terá que tomar para não cair.

Cuidar da parte emocional

Quando se está numa situação como a do Grêmio, o estado anímico é uma das coisas que mais podem atrapalhar uma sequência de maus resultados, pressão da torcida, crise interna, tudo isso pode acabar com a cabeça de um jogador, impedindo que ele possa dar o melhor de si em campo.

O Grêmio sem sombra de dúvida já está nessa situação, e Mancini pode e deve usar a sua chegada para tirar o pensamento das partidas com Felipão, e promover um recomeço mental para todos.

Ter calma quanto a sair da zona do rebaixamento

Sempre que um time entra na zona da degola ele imediatamente quer sair de lá como se isso fosse a única coisa que importa, mas devemos lembrar que dentro da areia movediça quanto mais você se debate, você afunda.

O Grêmio está a 5 pontos atrás do primeiro nome fora da zona, porém ainda tem 14 rodadas para jogar por conta de alguns jogos atrasados, isso significa que ainda existem 42 pontos em disputa. E o treinador precisa se lembrar disso e não entrar nos jogos desesperados.

Não se apoiar demais em medalhões

Um dos maiores erros que um treinador pode cometer é achar que jogadores tidos como “cascudos” vão resolver todos os problemas da equipe. Esse foi um erro claro de Felipão, que pensou que nomes como os de Rafinha e Diego Souza pudessem salvar o time.

Mancini não precisa abrir mão de seus jogadores experientes, mas deve ter em mente que a base pode crescer e florescer em momentos de dificuldade, como o Santos sempre mostra, então apostar em algum jovem em momento de necessidade pode ser algo muito útil de se fazer.

Saber que Douglas Costa não é o salvador do time

Quando o craque chegou ao Grêmio todos pensaram que ele seria facilmente o maior jogador do futebol brasileiro, mas isso não se cumpriu. O treinador precisa entender as limitações do jogador, que não vai mais ser o grande criador de coelhos da cartola do time, como não tem sido.

O jogador já está a praticamente 6 meses no clube, e por enquanto tem apenas um gol e nenhuma assistência, tendo mais lesões do que qualquer outra coisa. Claro, o jogador deve jogar quando puder e pode ser útil, mas ele está longe de ser o grande salvador da equipe nesta temporada.


Sem opção de comentar este post