NETFUT
Notícias de futebol

Torcida do Ceará se revolta após anúncio de contratação de jogador envolvido em crime com menor

O Ceará se envolveu em uma polêmica bem grande essa semana, quando os boatos de que o time estaria contratando o jogador Lucas Ribeiro. O zagueiro se envolveu em um crime sério, e a torcida não perdoou quando o anúncio foi feito de forma oficial nas redes sociais do clube.

Acontece que Lucas Ribeiro acabou vazando o vídeo de um amigo tendo relações sexuais com uma garota que na época tinha apenas 14 anos de idade. O vazamento, segundo o jogador, aconteceu de forma acidental, quando ele postou o vídeo na função Stories do Instagram, e apagou logo em seguida, porém ai já era tarde e o vídeo já havia sido salvo por outras pessoas, que seguiram compartilhando o vídeo em grupos de whatsapp, ao ponto da coisa sair de controle.

Consequência

Apesar do pedido de desculpas, a exposição já havia sido feita. A família da vítima processou o jogador. Apesar de tudo ter acontecido em 2018, o desenrolar da situação só aconteceu de verdade em outubro do ano passado, onde as partes chegaram a um acordo onde o jogador deveria pagar o valor de 150 mil reais para a vítima.

A sentença veio da Juíza Itana Eça Menezes de Luna Rezende, da Oitava Vara Cível e Comercial da Comarca de Salvador, em novembro a sentença foi publicada no Diário Oficial.

Ainda segundo o documento: “nada mais terão as partes a exigir umas das outras, dando por liquidada toda e qualquer relação ocorrida em decorrência dos pedidos formulados na presente demanda”.

Lembrando que a equipe do Ceará não vai se pronunciar sobre o caso do jogador até que ele se apresente de forma oficial ao clube, o que está marcado para acontecer nesta quarta-feira, no CT de Porangabuçu.