NETFUT
Notícias de futebol

“Top Five” dos maiores zagueiros da história do Fluminense

Recentemente fizemos uma lista com os maiores zagueiros da história do Flamengo, no entanto, seu irmão de estado também tem nomes muito notórios em sua história quando falamos sobre sistemas defensivos.

O Flu teve diversos grandes nomes dentro de sua história, e Nino atualmente também vem agradando bastante, tanto que fez parte do ouro olímpico recentemente conquistado. E para tirar de vez as dúvidas e lembrar um pouco de história, hoje vamos listar aqui 5 dos maiores zagueiros da história do Fluminense.

Gum

Para os mais jovens esse nome aqui pode parecer um pouco absurdo. As pessoas podem ter uma lembrança de Gum, mas levando em conta os momentos mais recentes de sua família, deixando de lado a grande história que o zagueiro construiu no Fluminense.

Esses momentos incluem a conquista do Campeonato Brasileiro duas vezes, além de um papel fundamental na campanha histórica que o time teve para poder escapar da série B daquele ano fatídico. Até criticado por alguns, mas inegavelmente, um jogador importante dentro da história do clube.

Duílio

Calma, não estamos falando do atual presidente do Corinthians. Esse Duílio teve mais relação com um tricolor do que com um alvinegro. Para se ter ideia, o zagueiro foi o capitão que liderou o time na conquista dos Campeonatos Cariocas de 1983 e 1984.

Além disso, o jogador também foi o responsável por levantar a taça quando o Flu bateu o Vasco para se tornar campeão brasileiro de 1984, e defendeu o time por 150 jogos durante 3 temporadas, ficando seu pé como um dos maiores da história do tricolor.

Ricardo Gomes

Agora sim estamos falando do nome que você pensou. Ricardo Gomes tem muitos méritos como treinador, mas foi como jogador que ele marcou de verdade seu nome no livro da história, sobretudo, no livro do Fluminense.

O zagueiro conquistou um Brasileirão em 1984, formando uma dupla de zaga com Duílio já citado, e foi campeão carioca 3 vezes seguidas em 83, 84 e 85, tudo isso, em 6 anos que defendeu o time. Seu bom desempenho chamou atenção da Europa, e o zagueiro pôde brilhar por lá também.

Pinheiro

Agora vamos falar de um jogador do futebol romântico, na era de ouro da bola aqui no Brasil. um jogador conhecido por ser técnico e elegante, o famoso “jogar de terno”, mesmo sendo zagueiro, ganhando esses apelidos por ser extremamente preciso em seus desarmes, o jogador fez pouquíssimas faltas ao longo de sua carreira vitoriosa.

Pelo Flu, o jogador venceu uma Copa Rio de 1952, além também de ganhar dois Torneios Rio-São Paulo, nos anos de 1957 e 1960, isso sem contar os títulos do Campeonato Carioca de 1951 e também de 1959.

Thiago Silva

Agora vamos falar de um jogador que, apesar de não ter ganho tantos títulos iguais a seus antecessores aqui, tendo vencido apenas uma Copa do Brasil em 2007, é inegavelmente, um dos maiores zagueiros que já existiu dentro do clube. Tanto o seu tempo aqui jogando no Flu, quanto pela Europa provam essa afirmação, uma vez que Thiago Silva no auge dos seus 36 anos ainda teve tempo e saúde de conquistar uma Champions League. 

Thiago jogou muito com a camisa do Flu, e até hoje, é extremamente celebrado pelos torcedores do time tricolor, que lembram com saudade e torcem para que o jogador faça uma última visita ao time antes de pendurar as chuteiras.