NETFUT
Notícias de futebol

Thiago Silva renova com Chelsea, frustra sonho silencioso do Fluminense e recebe elogios de Tuchel

“Benjamin Button do futebol”, é assim que Thomas Tuchel, treinador do Chelsea definiu o brasileiro Thiago Silva, zagueiro da equipe. A brincadeira, que parte do princípio de que o brasileiro está ficando melhor a cada temporada, vem pela importância de Thiago para o time, e pelo fato de que o jogador foi para a Premier League, a liga mais difícil do mundo com um calendário super corrido já com 37 anos.

E foi exatamente isso que Tuchel disse com tom de elogios, afirmando que sabe o quanto o jogador se esforça, chamando-o de “fantástico”.

– É um milagre, de uma certa forma, porque ele veio para essa liga, com esse calendário, com essa intensidade diária, no fim de sua carreira, o que foi muito corajoso. Mas eu sei o quanto ele se esforça para estar em forma. O quanto ele se esforça em casa, cuidando de sua recuperação, do seu sono, sua nutrição. É simplesmente fantástico e só por causa disso é possível.

O treinador também comentou o lado emotivo do jogador, que chegou a ser criticado por isso na Copa de 2014, por chorar ao final de algumas partidas, e de se isolar do time durante as cobranças de pênalti contra o Chile nas oitavas de final.

No entanto, Tuchel enxerga esse lado de Thiago com bons olhos, e afirma que isso o ajuda a fazer um trabalho muito importante no vestiário.

– Estamos felizes porque acho que o novo contrato vai deixá-lo calmo. Thiago precisa estar calmo. Ele é uma pessoa muito sensível, muito emotiva, o que o faz tão precioso para o nosso time, para o nosso vestiário. Ele pode sentir as emoções, pode sentir diferentes estados de emoção dos outros e pode ajudar muito nisso. Ele tem grandes objetivos e terá um grande impacto quando estiver disponível. É bom para ele e bom para nós – disse o treinador.

Quem deve ficar triste com isso é o Fluminense, que ainda sonha com o dia que vai conseguir repatriar Thiago Silva. O zagueiro não só é cria do tricolor, como é torcedor fanático até hoje, e sempre posta vídeos em suas redes sociais assistindo aos jogos do Fluminense.

E se o jogador conseguiu vencer a última Liga dos Campeões, não existe dúvida alguma de que ele ainda teria bola para queimar jogando no Brasil. E com Marcelo também em fim de contrato lá fora, o que o Flu mais queria hoje era poder juntar essa dupla, ainda mais com o time se fortificando para poder jogar uma Libertadores.

Porém por enquanto, o sonho de ter Thiago foi adiado por mais uma temporada, e o “Benjamin Button” do futebol vai seguir em Londres defendendo os Blues, que este ano não só esta brigando para defender seu atual título da Champions League, como também está lutando pelo titular da Premier League, estando em segundo e lutando para não deixar o Manchester City escapar de vez, time que já está 10 pontos na liderança em relação ao segundo colocado.