NETFUT
Notícias de futebol

São Paulo inconsistente empata com a lanterna Chapecoense

Neste final de semana a Chapecoense recebeu a equipe do São Paulo em jogo válido pela vigésima terceira rodada do campeonato brasileiro. O jogo aconteceu na tarde deste domingo.

O jogo, apesar de fora de casa, parecia mais propício para o São Paulo. Isso porque a pobre Chape vem sendo o grande saco de pancadas da competição, agonizando na zona da degola desde o começo do campeonato desse ano.

No entanto, nunca podemos duvidar da capacidade dos times grandes do nosso país de tropeçar, e foi exatamente isso que o São Paulo fez nesse jogo para levar toda a torcida tricolor à loucura.

São Paulo começou forte no jogo mas tomou o gol

Mas no começo do jogo nenhum torcedor imaginava isso, isso porque o tricolor começou com tudo, com muito volume e com o controle total do jogo. Mesmo assim o jogo ficou morno durante um tempo, com a Chape praticamente nula, sem ameaçar o gol de Tiago Volpi.

As coisas foram esquentar um pouquinho que seja já no final do primeiro tempo quando Liziero descolou uma boa jogada dando chance a Rigoni chutar logo na entrada da área, com a bola morrendo no fundo do gol para abrir o placar na partida.

Antes da primeira etapa terminar o mesmo Rigoni ainda teve uma boa chance em um contra-ataque rápido puxado pelo São Paulo, onde o jogador finalizou de cavadinha e acabou mandando a bola para fora para o fim do primeiro tempo. São Paulo na frente.

Segundo tempo ainda dominado pelo tricolor

Já na segunda etapa, o jogo continuou parecido com o que vimos antes, com o São Paulo dominando mais as jogadas de ataque, mas ainda com sérios problemas de criatividade que fez com que o zero custasse a sair do placar.

A Chape por sua vez continuou apagada, sem conseguir criar na partida e vendo o São Paulo continuar incomodando em busca de seu segundo gol. Foi assim que o tricolor aos 18 minutos conseguiu fazer Welington lançar Luciano, deixando para Rigoni dar no gol, e mais uma vez o argentino optou pela cavadinha que acabou indo para fora.

São Paulo busca solução e respostas para sua crise de lesões

Enquanto isso, Calleri já em campo teve sua chance dentro da grande área que acabou jogando para fora. Com a falta de pontaria da ala argentina do São Paulo, a regra de quem não faz toma chegou para o tricolor.

A Chape que parecia entregue dentro do jogo conseguiu seu gol em uma jogada de tabela entre Geuvânio e Denner, que resultou em cruzamento na área para Mike mandar para o fundo do gol.

Com o São Paulo nervoso, antes disso a pontaria já não estava dando certo, depois disso também só piorou, com Calleri perdendo pelo menos mais duas chances claras de gol.

E dessa forma o jogo terminaria, com um empate que não é bom para nenhum dos dois lados. Enquanto o São Paulo fica estagnado na estando longe da zona da degola, a pobre Chape segue agonizando na lanterna e deve de fato ser o primeiro time a cair esse ano.


Sem opção de comentar este post