NETFUT
Notícias de futebol

Roger Machado é o novo treinador do Grêmio!

Não muito tempo depois de ter anunciado a saída de Vagner Mancini, o Grêmio já notificou que já escolheu seu novo treinador a comandar o Imortal essa temporada.

E o nome escolhido é Roger Machado, um nome muito curioso se analisarmos a fundo. O último trabalho de Roger foi no Fluminense, no ano passado, e apesar de ter conseguido um bom começo, o treinador colecionou alguns tropeços, o que colocou a ida do time para a Libertadores em cheque, e isso fez com que ele fosse demitido.

Depois disso ele não foi trabalhar em nenhum outro clube, e esperou. Ele não tinha com saber que a torcida do Grêmio não ia ter paciência com Mancini, e por isso com certeza ele não ficou sem clube na esperança de uma vaga aparecer no Grêmio, já que o trabalho de Vagner Mancini não era tão ruim, e a prova é que o treinador foi demitido invicto esse ano.

Porém Roger e o presidente do Grêmio, Romildo Bolzan, são amigos de longa data, o que ajudou na decisão. E foi o próprio presidente quem pessoalmente convidou o treinador a voltar, e já afirmou se sentir otimista com o que Roger pode conseguir com o time.

– Já que estamos com a pré-temporada bem adiantada, o Roger já chega com trabalho adiantado e poderá aplicar todo seu conteúdo de visão de time, de visão dos jogadores e suas características. Ele estava em Porto Alegre acompanhando tudo e portanto facilita bastante toda essa forma de conseguir aplicar o que via de fora e agora vendo de dentro – disse Bolzan.

Roger chega com elenco praticamente encaminhado

O presidente ainda afirmou que Mancini praticamente preparou o terreno já, com o time fazendo uma grande pré temporada, e por isso Roger vai assumir um time com  o físico em dia, pronto para ser treinado, o que vai diminuir o tempo necessário para acertar a equipe.

– Tivemos uma temporada maravilhosa, não é só a parte técnica e tática, é também e principalmente a parte física. Nosso preparo está muito bom. Esperamos que o Roger consiga em um curto espaço, implantar a metodologia que deixou frutos e um belo legado por todos os clubes que passou – analisou o presidente do Grêmio.

Vale lembrar que a demissão de Mancini não era algo esperado por ninguém. A diretoria do Grêmio já deixou claro que isso aconteceu graças à pressão da torcida, mas que eles mesmos não olhavam para o trabalho dele com pessimismo.

Os funcionários do clube acabaram ficando um pouco consternados com a situação, já que só souberam através da nota do Grêmio, para o choque de todos.

Os jogadores também não estavam esperando, e nenhum deles foi previamente comunicados que haveria uma mudança desse tamanho. O presidente do Grêmio se responsabiliza totalmente pela decisão, e  chegou a alegar que apesar de adorar Mancini, os gritos da torcida fizeram ele perceber que era hora de uma mudança, e por isso decidiu que o ciclo de Mancini já havia chegado ao seu fim.