NETFUT
Notícias de futebol

Recurso de Robinho é negado em corte Italiana, e jogador pode pegar 9 anos de prisão

O atacante Robinho, muito conhecido pelo torcedor brasileiro por seus tempos de Santos, da seleção brasileira, do Real Madrid está passando o momento mais delicado de toda sua carreira nesse exato minuto.

O jogador está atualmente na Itália esperando o veredito final de seu julgamento. Para quem não lembra, Robinho foi acusado de violência sexual em grupo, a vítima é uma mulher albanesa que mora na Itália já a alguns anos, e que completa 32 anos de idade nesta sexta feira.

A mulher teria sido violentada sexualmente por Robinho e outros amigos do jogador, enquanto estava embriagada e desacordada, e alguns áudios bem comprometedores acabaram confirmando o ocorrido, inclusive a participação de Robinho, que alegou nos áudios que não transou com ela, “apenas colocou o órgão genital na boca dela”, o que o jogador pode não saber, mas isso legalmente é transar, e em seguida alegou que estava rindo porque estava tranquilo, porque a garota estava bêbada demais para reagir, e juntando as duas falas que foram pelas em escutas telefônicas, a justiça italiana considera tudo isso evidências auto-incriminatórias.

Pena será definida ainda nesta quarta-feira

O jogador acabou sendo condenado a 9 anos de prisão, e depois disso recorreu. Todas as tentativas de recorrer acabaram dando erradas para ele, e agora o jogador apelou para a suprema corte com seu recurso, que foi julgado por cinco juízes, quatro homens e uma mulher, e em menos de meia hora de sessão, seu recurso foi negado.

Agora os responsáveis vão se reunir, e ao longo do dia vão decidir qual será pena do jogador, que vai ser a decisão final já que ele não pode mais recorrer. Se seguirem a linha da mesma pena que o jogador já havia recebido, Robinho pode ficar 9 anos na cadeia.