NETFUT
Notícias de futebol

Problemas internos no Manchester? Ferguson alfineta atual treinador do United.

O Manchester United vem expondo uma situação bem comum nos clubes europeus ao qual nem sempre reparamos: a capacidade de um treinador ter sua “batata assada” mesmo o time indo relativamente bem.

O time mudou de patamar com a chegada de Cristiano Ronaldo à equipe, e com isso mais olhos se voltaram para os Red Devils, porém os olhares trazem consigo muita expectativa e pressão em cima do time, e ultimamente, muita pressão especificamente em cima do treinador Ole Solskjaer.

Essa pressão vem acontecendo de forma muito expressiva por parte da torcida, que vem insatisfeita com alguns resultados do time. Primeiro o tropeço pelas mãos do Young Boys, em plena estreia da Champions League, onde mesmo tendo um a menos, todos acham absurda a forma com que o time perdeu totalmente o controle do meio de campo, e para coroar a insatisfação de todos, o treinador sacou Cristiano Ronaldo para a entrada de Lingard, jogador extremamente contestado pela torcida que acabou se atrapalhando e causando o gol da virada do time adversário.

Outro ponto é a Premier League, onde o time de Manchester perdeu alguns pontos bobos do qual o time tinha tudo para poder vencer, e essa falta de consistência, está fazendo os torcedores perderem a paciência com o treinador.

Mas esse tipo de crítica aos treinadores do mundo todo, já é algo muito comum, agora o que fazer quando um dos torcedores do clube vem a ser o maior técnico de sua história?

A cobrança vem em dobro, quando quem cobra, sabe do que está falando

É o que tem acontecido, já que Sir Alex Ferguson, maior treinador da história do time e torcedor fanático do time, e claro, grande amigo e mentor de Cristiano Ronaldo, não tem gostado muito do que tem visto em campo, principalmente, da forma que Ole vem agindo com a sua mais nova grande estrela do clube.

O treinador estava conversando com Khabib Nurmagomedov, grande astro do MMA, sobre a partida em suas redes sociais, e comentou especificamente sobre a última partida do United contra o Everton pela Premiere, onde Cristiano Ronaldo, por decisão do treinador, começou no banco de reservas.

Ferguson comentou que a equipe do Everton recebeu um ânimo a mais quando percebeu que não precisava se preocupar com Cristiano, pelo fato de o jogador estar no banco. O lutador até tentou amenizar a situação lembrando que, ao menos Ole havia utilizado Cristiano no jogo, no segundo tempo, ao qual Ferguson respondeu:

-Sim, eu sei, porém Você deve sempre começar um jogo com seus melhores jogadores.

Essa conversa rendeu muitas discussões, principalmente por ter vindo diretamente de um dos maiores treinadores de toda a história, e porque veio em um momento de muita desconfiança sobre o trabalho do treinador, que pode acabar deixando o comando do time mesmo caso as coisas não melhorarem.

Vale lembrar que Zidane está livre no mercado e que no passado já houveram especulações envolvendo o nome do treinador que fez sucesso com Cristiano Ronaldo no Real Madrid e o lado vermelho de Manchester, e com Cristiano de volta aos Reds, isso pode ser uma motivação a mais para o treinador desembarcar na Inglaterra.