NETFUT
Notícias de futebol

Possíveis vilões e heróis na partida entre Flamengo e Barcelona.

Com o Palmeiras classificado para a grande final, é hora de descobrirmos quem fará companhia ao Verdão e brigará pelo título da Libertadores desse ano. O Flamengo luta pela ultima vaga hoje a noite contra o Barcelona de Guayaquill em um jogo onde o rubro negro já chega com dois a frente no placar, e não tendo tomado nenhum gol dentro de seus domínios, se marcar mais complica completamente seu adversário.

Mesmo com essa vantagem, ainda estamos falando de um jogo de Libertadores, o palco dos grande heróis e também dos grandes vilões, e hoje nós separamos aqui alguns nomes que podem ser heróis e outros que podem ser vilões no time do Flamengo essa noite.

Vilão: Isla

Renato Gaúcho vai ter seu time titular por completo pela primeira vez desde que chegou ao clube. E embora o time completo tenha nomes de peso em todas as posições, é difícil não notar que Isla é talvez o elo mais fraco dentro do time rubro negro.

Talvez o comparativo com o grande número de estrelas que o time tem faça com que enxerguemos o jogador com um nível de cobrança exagerada, mas fato é que o jogador já não tem agradado tanto os torcedores, e se eles tem desconfiança de alguém, sobretudo alguém do setor defensivo, com certeza é com Isla.

Herói: Arrascaeta

O meia ficou de fora por conta de uma lesão e estará à disposição novamente para esse jogo. Por conta disso o jogador virá com fome de bola e com muita vontade de lembrar o torcedor porque Arrascaeta provavelmente é o melhor meia em atuação no nosso país.

Seja com um gol ou com passes a gol, é bem provável que veremos o Uruguaio brilhar a sua própria maneira dentro do jogo.

Vilão: David Luiz

David Luiz jogou muito bem quando jogou, mas o torcedor é um ser muito emotivo e rancoroso, e deve demorar um tempo para que ele tire de si a sombra do 7 a 1.

Claro que isso pode parecer uma colocação um tanto quanto injusta com o zagueiro, mas aqui estamos nos dando a liberdade de olhar com os olhos de um torcedor magoado que sofreu com o 7 a 1 e tem medo que o jogador comprometa também seu time do coração. Esse tipo de pessoa existe e com certeza ela vai assistir ao jogo com um nível de desconfiança um tanto quanto alto.

Herói: Gabigol

O artilheiro da competição está sedento pela vontade de marcar gols e seguir aumentando seu recorde tanto como artilheiro da competição quanto também como maior goleador do Flamengo dentro dela.

Para isso, podemos esperar um pé canhoto afiado e a parceria com Bruno Henrique rendendo como rendeu da outra vez. Da outra vez, no entanto, quem acabou balançando as redes foi o próprio Bruno Henrique, mas dessa vez podemos esperar fome de bola e sede de gol por conta de Gabriel Barbosa, o Gabigol.