NETFUT
Notícias de futebol

Por conta de ausências no elenco, professor português reconfigura meio campo do Palmeiras

Últimos resultados e desfalques são fatores decisivos para Abel Ferreira

Por força do destino o Palmeiras terá que sofrer algumas mudanças em seu meio de campo para seu próximo compromisso dentro do Campeonato Brasileiro. O destino, no entanto, vai forçar o Verdão a mexer no time exatamente em um momento que a torcida sente que o time realmente necessita mudar, graças a resultados adversos que o time teve, como contra o Flamengo na última rodada do Brasileirão.

Leia: Netfut Aponta: Top 5 Estrelas Do Primeiro Turno Do Campeonato Brasileiro Edição 2021

Acontece que o titular Zé Rafael está suspenso e por isso ficará de fora do próximo jogo, e com isso o técnico português Abel Ferreira será forçado a mexer no time que entra em campo no sábado18/9, às 17h do horário de Brasília contra a lanterna Chapecoense, que no último jogo aprontou para o Bragantino e, de forma alguma, pode ser subestimada.

Apesar da torcida querer ver ideias novas em campo, Abel não deve ter gostado nada da suspensão do jogador, um dos setores que mais problemas teve dentro do Palmeiras para o treinador foi justamente a volância. Muitos jogadores foram testados e usados até que o técnico encontrasse a dupla perfeita para as posições, e Zé Rafael é um deles, tendo já uma longa sequência como titular e correspondendo muito bem.

Além da volância, o meio como um todo parecia já decidido, uma vez que por quatro jogos consecutivos, a dupla de volantes Danilo e Zé Rafael jogou ao lado de Raphael Veiga e Dudu.

O primeiro nome que vem à cabeça para assumir a posição nesse jogo é Patrick de Paula. O jogador voltou a fazer boas partidas com a camisa do time e definitivamente ganhou pontos com o treinador graças a seus gols decisivos.

Além de Patrick, Abel ainda tem opções como Felipe Melo, Gabriel Menino, Danilo Barbosa e Matheus Fernandes, todos podendo ser usados na posição, mas de formas de jogar diferentes umas das outras.

Mas uma outra opção que o treinador tem, e que no momento é a que a torcida espera que ele siga, é tornar o time mais ofensivo, abrindo mão de um volante que seria Zé Rafael e colocando algum jogador que exerça uma função mais ofensiva no time, talvez até Luiz Adriano que vem parado com um salário milionário, já que a torcida sente falta de um centroavante no time.

Mas na verdade, nem se sabe ao certo se o Verdão vai entrar com força total para o jogo. No meio da semana que vem, o time alviverde tem um encontro com o Atlético Mineiro, arqui rival nesta temporada.

Os dois times irão se enfrentar na Libertadores, e como a competição sempre é prioridade, é capaz que o verdão aproveite que o jogo de domingo é contra o lanterna da competição e se arrisque poupando seus jogadores.

A Chape tem feito uma das piores campanhas da história dos pontos corridos, mas conseguiu tirar pontos do poderoso Bragantino na última rodada, o que gera uma certa preocupação na torcida. Mas só esperando até domingo para saber.


Sem opção de comentar este post