NETFUT
Notícias de futebol

Palmeiras amassa Ponte Preta e vence mais uma no Paulistão

Ontem o Palmeiras voltou a campo para sua segunda partida oficial da temporada. Enquanto o São Paulo ainda nem jogou, e o Santos e Corinthians ficaram no 0 a 0 e seus respectivos jogos no torneio, o Verdão foi a campo já pela segunda vez, e pela segunda vez foi dominante em campo.

O time se mostrou muito forte, e mesmo muito forte ainda em constante evolução, mostrando que muitos problemas do passado foram resolvidos, e o time vai no mínimo dar muito trabalho em todos os torneios que disputar.

Seja jovem, seja adulto

O torcedor do alviverde não poderia estar mais feliz com tudo o que rolou com o seu time na partida de ontem, e na verdade na semana toda, porque o time viu seu time de garotos vencer a Copinha, e depois viu o time principal vencer a ponte de uma forma até parecida.

Isso porque já no primeiro tempo os meninos da Copinha abriram um sonoro 3 a 0 no  Santos, e ontem a história se repetiu com o profissional. Com 27 minutos de jogo, o placar já estava em 3 a 0 para o Palmeiras, um placar meteórico construído com toda a agressão que o ataque do time pode fazer.

Time que aprendeu a atacar

Isso mostra que um dos fantasmas do passado de Abel Ferreira parece ter sido superado. O treinador chegou a ser muito criticado pela imprensa e pela própria torcida do Palmeiras por não conseguir propôr jogos.

Isso de fato trouxe muita dor de cabeça para o treinador, que em momentos onde o time não podia ser reativo e precisava ir para cima, não conseguia. Esse estigma inclusive quase o fez perder seu cargo antes do fim da Libertadores.

O time resolveu propôr o jogo contra a Ponte, e amassou o time nos minutos iniciais. Abel Ferreira escalou Gustavo Scarpa quase que como um ponta pela esquerda, com Dudu correndo pela direita e dando a Raphael Veiga a liberdade de flutuar pelo meio, o que também ajudou a servir Rony, que deixou seu gol usando a velocidade e a agressividade de um time com passes mortais.

A Ponte nada pôde fazer frente ao poderoso Palmeiras. O time alvinegro até tentou ter um jogo mais reativo e fechado, porém foi exatamente isso que fez com que o Verdão fosse para cima.

Com o placar definido tão cedo, Abel Ferreira aproveitou a situação para testar outras formações, e o Palmeiras acabou sendo competente em tudo o que tentou, não dando chance para a Ponte sequer esboçar uma reação ou mesmo fazer seu gol de honra.

Com mais essa vitória, o Palmeiras agora tem duas vitórias no Campeonato Paulista e segue com 100% de aproveitamento uma diferença importante de se criar uma vez que em algum momento o time vai parar de dar toda essa atenção ao Paulistão para poder focar no Mundial de Clubes da FIFA, e no momento esses jogos do Paulista estão servindo como um treino de luxo.