NETFUT
Notícias de futebol

O Flamengo sofre pesadelo de lesões. Pedro é a mais nova vítima.

Se tem algo que foi problema durante o ano todo para muitos clubes aqui no Brasil, foi excesso de lesões dos jogadores. Os motivos são muitos, mas o mais claro é o número de jogos disputados nesta temporada.

E claro, além de um calendário que já é naturalmente inflado e mal organizado, ainda tivemos o adicional de problemas que a pandemia causou, já que na temporada passada tivemos paralisações, o que levou a CBF a deixar o tempo entre as temporadas mais curto.

Essa decisão tirou boa parte do tempo de férias dos jogadores, além de comprometer quase que por completo qualquer chance de pré temporada.

Aos poucos a conta desse desgaste excessivo foi chegando, e puxando pela memória, podemos dizer que os primeiros a pagarem foram os jogadores do São Paulo, com quase todos jogadores considerados titulares tendo visitado o Departamento ao menos uma vez nessa temporada.

Alguns outros também sofreram, e agora parece que a vez do Flamengo chegou. Isso porque o time perdeu alguns jogadores algumas vezes, alguns casos isolados como David Luiz que não enfrentou o ritmo nacional, mas agora, em questão de duas semanas o time perdeu seus dois principais jogadores de ataque.

Rubro-negros são pegos de surpresa. Pedro pode ser baixa até o fim da temporada

O primeiro foi Gabigol, que desabou em campo no primeiro do jogo da semi da Copa do Brasil, e para piorar ainda mais a situação, o Fla revelou na noite deste domingo que Pedro, reserva imediato de Gabigol, sofreu uma lesão no menisco de seu joelho direito, e que por conta disso o jogador precisará passar por uma artroscopia, um procedimento cirúrgico que vai acontecer ainda hoje nessa segunda.

O Fla ainda não disse quanto tempo o jogador levará para retornar aos campos, mas sabe-se que esse tipo de lesão pode levar de 2 a 4 meses para uma recuperação total.

É importante salientar que o problema de Pedro já vem de alguns dias atrás, com o jogador sentindo dores desde a vitória de 3 a 0 contra o Juventude. O jogador foi poupado no jogo seguinte, e acabou tendo que entrar no lugar de Gabigol no jogo seguinte, pela Copa do Brasil.

O jogador reclamou novamente de dores, o que o fez ficar de fora da partida contra seu ex-clube, o Fluminense, na rodada do fim de semana. Ao invés disso, ele passou por novos exames, onde foi constatada sua lesão.

Uma pedra no sapato de Renato, pode ainda gerar novas discussões e com razão

Obviamente o treinador Renato Gaúcho não vai gostar nenhum pouco dessa nova baixa, uma vez que o time já segue sem Arrascaeta, também por conta de lesão, além do já citado Gabigol.

O treinador é um dos críticos mais vocais sobre o calendário do futebol brasileiro, chamado diversas vezes de desumano. O treinador também é um crítico ferrenho da falta de compromisso do futebol brasileiro com as chamadas Data FIFA, onde as seleções jogam e teoricamente os clubes deveriam parar, algo que não costuma acontecer por aqui.

Agora o próximo compromisso do Flamengo é na partida de volta da Copa do Brasil, contra o Athletico nesta quarta-feira.