NETFUT
Notícias de futebol

Marinho é apresentado oficialmente no Flamengo, e pai de jogador cai no choro

Marinho foi apresentado de forma oficial em seu mais novo time, o Flamengo. O jogador ainda teve a honra e a felicidade de ser apresentado ao lado de seu pai.

E isso não foi por acaso, aconteceu que a diretoria do Flamengo sabe muito bem que o pai de Marinho é um torcedor fanático do Fla, e por conta disso resolveu dar esse privilégio a ele, estando junto de seu filho quando o mesmo finalmente foi apresentado ao clube.

Seu Zé Carlos, pai do jogador, ficou muito emocionado durante a apresentação, mostrando muita felicidade em ver o filho vestindo a camisa do seu time de coração.

Marinho e o Pai seu José Carlos, Flamengo – foto: divulgação Flamengo

Seu Zé Carlos chegou inclusive a dizer que tem tanto amor pelo time Rubro-Negro que chegou a torcer contra o próprio filho em alguns jogos, o que mais tarde teria gerado um problema grande com sua esposa, mãe do jogador.

– Teve um dia de um jogo entre Santos e Flamengo e achei de falar que torce pelo Flamengo. Quando saiu um gol, eu pulei e minha esposa não gostou. Foi para o quarto dormir com raiva. Chegou o momento. É uma grande honra – e depois completou dizendo:

– Quero agradecer a Deus por estar aqui e receber o convite do meu filho. Não tenho palavras. Parece que a ficha não caiu de eu estar aqui. Não dá nem para acreditar. Nunca esperava acontecer isso. Sempre pedi a ele para jogar no time que eu mais amo e chegou o momento.

Mas é claro que seu Zé Carlos passou longe de ser o único emocionado dessa história. Isso porque o Flamengo não é apenas o time do Coração do pai como também é do filho. Curiosamente, Marinho foi revelado para o futebol no Fluminense, e rodou em vários times, sempre parecendo bem distante do Flamengo.

No entanto, o próprio jogador já havia dado diversas entrevistas afirmando que jogar no Flamengo, no Maracanã lotado era um sonho de sua vida, e que agora ele vai poder finalmente realizar.

O jogador chegou a comentar na apresentação, que a ficha ainda não caiu, e ainda tem sido um turbilhão de emoções para ele. O jogador afirmou ainda que apesar da emoção ele sabe muito bem do peso de jogar em um time de tanta torcida e com uma história tão vitoriosa.

– Todo jogador quer estar em um grande clube como o Flamengo. Parece que a ficha não caiu ainda. Chego ao hotel e parece que não é verdade, parece que é um dia que vem se repetindo. Sei do peso da camisa e sei do privilégio que é grande. Quero agradecer aos torcedores por tanto carinho desde a chegada.

Marinho foi comprado do Santos com a ideia de vir substituir o atacante Michael, que foi vendido pelo Flamengo ao Al Hilal da Arábia Saudita, e com isso o jogador deverá jogar sempre que necessário e provavelmente no lugar de Bruno Henrique, jogador que costumava ser substituído por Michael sempre que era necessário.