NETFUT
Notícias de futebol

O Palmeiras massacra o Santos e conquista a Copinha pela primeira vez

A Copa São Paulo de futebol Júnior conheceu seu mais novo campeão. E dessa vez tivemos um campeão inédito, um time que nunca antes havia levantado a taça e agora fez uma das melhores campanhas da história da competição e mereceu ser campeão.

O Palmeiras foi de longe o melhor time da competição e mereceu ser campeão, enquanto que o Santos que passou com problemas com o técnico antes da competição conseguiu ir longe mas não foi páreo para o Verdão.

O fim da piada

O futebol é cheio de brincadeiras, e nem sempre os torcedores são muito fãs quando a piada é seu time, como o torcedor do São Paulo está passando com a história do ”Trikas”. Felizmente para uns e infelizmente para outros, algumas da maiores piadas do futebol estão morrendo.

Atualmente o Corinthians tem Libertadores e Estádio, o Atlético Mineiro foi bi campeão de alguma coisa, e o Palmeiras finalmente ganhou a Copinha. Essa era uma estigma que perseguia o Palmeiras, mas mais do que isso perseguia os jovens da base, que sempre tinham que ouvir o pagode que dizia que o Palmeiras “não tem Copinha e não tem mundial.”

Agora com a Copinha em mãos, o time vai em busca do mundial também.

Um elenco muito forte

Um dos grande diferenciais do Palmeiras nessa Copinha é ter em mãos só grandes jogadores, mas jogadores cascudos Boa parte do elenco do Palmeiras na Copinha já treina com os profissionais do clube, o que fez com que evoluísse muito rápido.

Dessa forma, o time do Palmeiras era de longe o time mais bem preparado e mais cascudo dentro da competição, e acabou atropelando a maioria de seus adversários até a grande final, onde se sagraram campeões.

Endrick

Embora o jovem jogador não tenha sido um dos personagens da grande final contra o Santos, o jovem jogador já firmou seu nome na mente de Abel Ferreira e também do torcedor Palmeirense, que via passar a pedir o nome do jogador com mais frequência.

É claro que devemos lembrar que Endrick tem apenas 15 anos de idade, e dessa forma ainda tem uma longa caminhada pela frente, que apesar de muitas alegrias é provavelmente que também tenha tristezas, mas o fato é que uma carreira brilhante ele tem pela frente, isso qualquer um que tenha assistido pode dizer.

Uma final de um time só

E falando sobre a final, podemos dizer que o Santos praticamente não jogou a partida. O Peixe viu o Palmeiras pressionar desde muito cedo, com 40 minutos do primeiro o verdão não só tinha 3 gols como Santos já tinha um a menos, com o zagueiro sendo expulso.

Com isso o Verdão só precisou administrar o resto da partida, e ainda assim conseguiu balançar as redes mais uma vez antes do apito final. E com um sonoro 4 a 0 no placar, o Palmeiras quebra mais um tabu e consegue a sua primeira Copinha, para festa dos garotos.