NETFUT
Notícias de futebol

Jandrei é o novo goleiro do São Paulo, e Rogério Ceni é um dos grandes responsáveis

O Tricolor Paulista tinha praticamente deixado claro a seus torcedores que em 2022 teria mais um arqueiro em seu elenco, nem que fosse para ficar no banco brigando por posição com o atual titular, Thiago Volpi.

O motivo? As falhas do titular, e a falta de um grande reserva que possa fazer sombra ao goleiro e realmente fazê-lo sentir que sua vaga está ameaçada, fez com que o time corresse atrás de um nome. Vale lembrar que o São Paulo ainda administra alguns pesos em suas contas e por isso vai com calma ao mercado em busca de suas peças.

Quais eram as opções do Tricolor?

Muito se falou de Walter, goleiro do Cuiabá, ex-Corinthians, que teve conversas com o tricolor na época que defendia as cores de Itaquera. Falaram também do goleiro Santos, do Athlético-PR, mas a vaga acabou ficando com Jandrei.

Para quem não se lembra, Jandrei foi contratado pelo Santos para suprir a falta de John e João Paulo, e assim o Santos aprendeu a amar todos os seus 3 goleiros, já que o goleiro agradou e muito.

Qual era a opção de Jandrei?

No entanto, o goleiro se tornou a terceira opção depois que os dois goleiros se recuperaram, uma posição que não agradou muito, e com a vinda da proposta tricolor, o goleiro aceitou mudar de time em São Paulo. Edu Dracena, cabeça de futebol no Peixe, bem que tentou impedir que o goleiro saísse, deixando claro seu desejo de ter 3 opções boas no banco. No entanto, não teve muito o que argumentar quando o goleiro avisou que queria sair para não ser terceira opção para ser no mínimo a segunda em um time tão grande quanto.

O que pesou na decisão do arqueiro?

Mas além de poder brigar mais realisticamente por uma vaga na titularidade, o goleiro também teve outro motivo para aceitar tão prontamente a investida do São Paulo para o ano que vem, e é um motivo humano.

Acontece que o jogador é um grande fã do trabalho de Rogério Ceni, não só como técnico mas por todo o legado como goleiro que ele deixou com uma carreira brilhante. O próprio Jandrei comentou o quanto a ideia de trabalhar com Rogério pesou na sua decisão, comentando também como vai ser uma honra para ele jogar no São Paulo.

– Fiquei muito contente quando soube do interesse do São Paulo. E terei a oportunidade de trabalhar com o Rogério Ceni, isso pesou na minha decisão também. É uma honra vestir a camisa do São Paulo, um clube tradicional do futebol mundial. Estou orgulhoso e me doarei ao máximo para honrar as cores do clube. (…) Vou me dedicar ao máximo, e a torcida pode esperar muita luta ao lado dos meus novos companheiros.

Vale lembrar que tudo indica que o goleiro vai disputar posição com Volpi, que vai começar o ano em baixa por conta de suas falhas. Já se falou que o goleiro poderia sair, ir para o México onde viveu as maiores oportunidades de sua carreira, no entanto,  o contrato com o São Paulo e a falta de interesse de compra vinda do México pode impedir, embora o São Paulo até pense em um empréstimo, já que o goleiro hoje é o maior salário do elenco.