NETFUT
Notícias de futebol

Flamengo não abre mão de valor completo por Michael, e situação fica desconfortável

Graças ao Flamengo e seu pulso firme na ora de querer ganhar dinheiro, temos mais uma novela futebolística em mãos. Acontece que o Mengão está tratando da negociação da venda do atacante Michael para o Al Hilal da Arábia Saudita. Mas mesmo o time tendo muito dinheiro e oferecendo de fato muito dinheiro para poder contar com o atacante, a situação segue bem longe de um desfecho.

Como já noticiamos aqui antes, o time quer comprar 100% dos direitos econômicos do jogador, e ofereceu cerca de 46 milhões de reais para isso. O grande problema é que o Flamengo não é detentor de 100% dos direitos econômicos de Michael, tendo apenas 80% do total.

Goiás no meio da negociação

15% que pertencem ao jogador não são problema, já que ele teria feito um acordo com a equipe saudita, e com um dinheiro extra que ele ganhara por metas e luvas, ele abriu mão da sua porcentagem. O problema real vem do Goiás, time que detém 5% dos direitos do jogador.

Acontece que o time goiano não abre mão de receber a sua porcentagem de dinheiro pela venda, enquanto que o Flamengo quer receber os 46 milhões de reais apenas para si, independente de quanto dos direitos do jogador o clube possua.

Confusão até agora

Isso gerou muita confusão, inclusive fez o Goiás ter que fazer um acordo com o Goianiense, time de quem comprou seus 5% de Michael, o qual o time não tinha pago até hoje.

Para essa situação existem duas soluções: ou o Flamengo desiste e aceita ficar com 95% do valor total da compra, ou o time Saudita vai ter que desembolsar mais dinheiro para pagar os 5% do jogador a parte para o Goiás. E seja como for, eles precisam fazer isso logo antes que a janela se feche.